Projeto de valorização ambiental da Albufeira do Caia

Publicado em 11-12-2013

 

Objectivos:

A Albufeira do Caia é uma das áreas mais importantes para a conservação das aves aquáticas no Alto Alentejo e um local de usufruto público com grande potencial para o turismo de natureza e observação de aves. Com este projecto pretendemos:

- Ordenamento da utilização da albufeira;

- Desenvolver o usufruto do património natural e do turismo ornitológico;

- Sensibilizar as populações locais, em particular a população escolar e os utilizadores da albufeira;

- Manter ou incrementar as populações das espécies de aves ameaçadas na área.

 

Descrição das acções/componentes:

Estão previstos 6 tipos de acções:

1. Caracterização e monitorização dos valores naturais. Será efectuado um levantamento completo dos valores naturais da área, com especial ênfase para as aves.

2. Elaboração de uma carta de sensibilidade ambiental e de uma carta de usos da albufeira e das suas margens.

3. Elaboração de percursos ornitológicos. Serão planeados percursos de interpretação da natureza e de observação de aves em redor da albufeira, com instalação de dois observatórios de aves, placards informativos e sinalética.

4. Sensibilização e divulgação ambiental, junto do público em geral, da população escolar e dos utilizadores da albufeira. Serão usados os seguintes meios para divulgar a importância da Albufeira do Caia: página web, edição de materiais informativos, realização de palestras e conferências e organização de uma campanha de divulgação.

5. Requalificação do habitat para aves ameaçadas: construção de ilhas artificiais (n=2) e ilhas flutuantes (n=2) para andorinha-do-mar e afins, desmatação e beneficiação de ilhas naturais (n=14), sinalização de ilhas naturais, conclusão da rede de pousos artificiais para Águia- pesqueira, e sinalização de pousos artificiais.

6. Realização de reuniões temáticas e de workshops com as partes interessadas, com vista à discussão e aprovação de um plano de utilização da albufeira.

 

Tipologia do Projecto:

Infra-estrutura                            Animação 

Equipamento (construção) X          Promoção / Marketing X

Equipamento (técnico)                Soluções de gestão X

Conteúdos / Software                 Estudos e Formação 

Outra

 

Resultado a atingir:

- Ausência de gado nas ilhas

- Mínimo de 15 ilhas disponíveis para as aves

- Sucesso reprodutor e/ou populações nidificantes de aves aquáticas aumenta no
segundo ano do projecto para 75% das espécies

- Mais de 200 visitantes para observar aves no segundo ano do projecto

- Redução do lixo nas margens da albufeira

 

Entidades intervenientes e respectivo papel:

Promotor: SPEA

Entidades Executoras/Parceiros do Projecto: ICNB, Autaquias (Elvas, Campo Maior e Arronches), ARH, Águas do Norte Alentejano.

Destinatários-alvo: Usufrutuários da Albufeira (agricultores, pescadores, observadores de aves, turistas, populações locais, hotelaria e restauração)

 

Horizonte do Projecto:

a) Início: Abril 2009                                  b) Fim: Março 2011

 

Investimento total previsto: 200.000€

 

Principais componentes de despesa:

(De acordo com a natureza do projecto e a tipologia dos investimentos a realizar)

Equipamentos e materiais  50.000 (Euros)

Estudos e/ou Projectos  60.000 (Euros)

Aquisições de Serviços/sub-contratos  70.000 (Euros)

Marketing e Publicidade  20.000(Euros)

 

Fontes de Financiamento:

Auto-financiamento 4.000 (Euros) – Comparticipação privada

Financiamento 56.000 (Euros) – Comparticipação pública local

Financiamento 140.000 (Euros) – Comparticipação comunitária através do FEDER (Eixo 4 – Gestão Activa de Espaços Qualificados, POR Alentejo).

 

Outros projectos, acções ou investimentos relacionados:

(a) Projectos em curso ou em fase de lançamento

Semear o Futuro II, uma Agricultura com Biodiversidade – Projecto da SPEA, financiado pelo Fundo ONG Ambiente do mecanismo EEA (72.000€ de financiamento) – Campanha de informação e promoção juntos dos agricultores de formas de gestão agrícola sustentáveis e favoráveis à conservação da natureza - Dois anos (Janeiro de 2009 a Dezembro de 2010).

TUROLOGICO- Proyecto piloto para la elaboración de módulos formativos en materia de turismo ornitológico en áreas Natura 2000 – Projecto liderado pela Sociedad Española de Ornitologia, em parceria com a SPEA, financiado pelo Programa Leonardo da Vinci (43.400 de financiamento para a parte Portuguesa) – Criação e teste de módulos de formação em turismo ornitológico para guias de natureza, unidades hoteleira e agências de animação turística e desenvolvimento de critérios de certificação de aptidão para a prestação de serviços de turismo ornitológico – Dois anos (Janeiro de 2009 a Dezembro de 2010).

(b) Outros projectos perspectivados

Projecto LIFE + - Reforço Populacional e Reintrodução do Francelho Falco naumanni em locais históricos de nidificação – Parceria CEAI (proponente), LPN, SPEA e CAP para o Alto Alentejo – Quatro Anos (2010-2013). Candidatura submetida.

 

Sustentabilidade futura do projecto:

Em Portugal, a procura das áreas rurais, e da natureza em geral, para recreio e turismo é um fenómeno emergente e com tendência de evolução positiva. São indicadores desta tendência as edições de livros dedicados à apresentação de percursos de natureza, o crescente número de empresas dedicadas à organização de eventos em meio natural ou rural, assim como a taxa de ocupação das unidades hoteleiras em espaço rural.

Com o impulso dado por este projecto será possível criar um dinamismo em redor da Albufeira do Caia como centro de visitação ornitológica, com possibilidade de gerar receitas através da dinamização do comércio e da hotelaria local e de taxas de visitação.

 

Experiência de trabalhos anteriores na área de actuação prevista:

- Projecto LIFE Priolo – 2,8M€, Acções de conservação e intervenção na floresta, investigação científica, campanha de comunicação, Plano de Gestão da ZPE do Pico da Vara (São Miguel, Açores) e Centro Ambiental do Priolo.

- Projecto LIFE Sisão – 900.000€, Projecto-piloto agrícola, inventário das populações de Sisão no Alentejo, campanha de informação e Plano de Acção para a Conservação do Sisão no Alentejo.

- Semear o Futuro, uma Agricultura para as Pessoas e para a Natureza – 56.000 financiados pelo FEDER (POCTI) – Campanha de informação e promoção juntos dos agricultores de formas de gestão agrícola sustentáveis e favoráveis à conservação da natureza.

- Desenvolvimento do Turismo Ornitológico nos meios Rurais – Projecto com a CAP, financiado pela Medida 10 do AGRO. Avaliação do potencial ornitológico, divulgação junto dos proprietários, dos publico em geral e dos operadores nacionais e estrangeiros.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Eventos

Sem eventos

Destaque