Feira Doçaria Conventual de Portalegre

Publicado em 10-12-2013

 

Objectivos:

A Doçaria Conventual Portuguesa é considerada Património Cultural por Resolução do Concelho de Ministros de 96/2000 de 7 de Julho e constitui um importante produto turístico do Concelho de Portalegre.

A Feira de Doçaria Conventual de Portalegre pretende promover os recursos endógenos da região – os seus produtos e o seu “saber fazer” – bem como integrar os circuitos turísticos alicerçados na gastronomia. Ela constitui-se como mais um passo significativo na qualidade, na diversidade, na protecção, e mesmo na certificação da doçaria conventual da região, com a mais valia em termos de segurança alimentar, incentivo à produção e acesso ao mercado que daí advém.

Sinteticamente, os objectivos específicos do projecto são:

- A divulgação do património gastronómico local;

- A qualificação da oferta de produtos/acontecimentos turísticos;

- O aumento da capacidade produtiva de pequenas unidades;

- A manutenção e a criação de emprego, nomeadamente de mulheres, tradicionalmente mais ligadas a esta actividade;

- A criação de sinergias entre as diversas actividades económicas envolvidas.

 

Descrição das acções/componentes:

A Feira consiste na exposição e prova, com possibilidade de aquisição, de doces conventuais. A sua realização decorre anualmente nos claustros de um dos conventos da cidade de Portalegre, geralmente Santa Clara ou S. Bernado. A origem das iguarias é maioritariamente local, contudo estão também presentes doceiros de outros pontos do país e da Europa. O projecto integra diversas acções / componentes, designadamente:

- Acções de divulgação / publicidade;

- Exposições temáticas;

- Concurso de doces;

- Workshop de decoração doces;

- Seminário – Qualificação / Cerificação Doçaria Conventual;

- Restaurante;

- Animação do espaço;

- Demonstrações de cozinha ao vivo;

 

Tipologia do Projecto:

Infra-estrutura                             Animação     X

Equipamento (construção)            Promoção / Marketing X

Equipamento (técnico)                 Soluções de gestão 

Conteúdos / Software                  Estudos e Formação 

Outra

 

Resultado a atingir:

Número de visitantes: 6.000

 

Entidades intervenientes e respectivo papel:

Promotor: Município de Portalegre

Entidades Executoras/Parceiros do Projecto: - Escola de Hotelaria e Turismo - Associação Qualifica - Turismo de Portugal - Empresa do ramo do açucar - Revista teleculinária

Destinatários-alvo: Toda a população e visitantes do Concelho de Portalegre.

 

Horizonte do Projecto:

A Feira realiza-se anualmente em Abril.

a) Início: Janeiro                                  b) Fim: Setembro

 

Investimento total previsto: 75.000,00 € (Investimento anual)

 

Principais componentes de despesa:

Aquisições de Serviços/sub-contratos  - 50.000

Marketing e Publicidade  - 25.000 €

 

Fontes de Financiamento (previsão de uma taxa média de financiamento de 65%)

Financiamento __26.250,00 € – Comparticipação pública local

Financiamento __48.750,00 € – Comparticipação comunitária

 

Fases de desenvolvimento do projecto e tempos de execução:

O projecto começa a ser programado em Janeiro. Em Março tem início a sua fase de execução. Após os dias da realização do evento, começa a fase final que consiste na troca de documentação com os participantes doceiros e outros fornecedores. O mesmo é concluído por volta do mês de Setembro, com o respectivo fecho de contas.

 

Outros projectos, acções ou investimentos relacionados:

(b) Outros projectos perspectivados

- Cores e Sabores – Mercado de Produtos Tradicionais

 

Sustentabilidade futura do projecto:

A sustentabilidade do projecto será assegurada:

- pelo Município de Portalegre, que suportará, através do seu orçamento, os custos com a organização do evento;

- pelas receitas de bilheteira;

- pelas receitas de aluguer de espaço aos expositores / doceiros;

- por outras entidades que se queiram associar ao evento, patrocinando algumas das suas acções.

 

Experiência de trabalhos anteriores na área de actuação prevista:

O Município de Portalegre tem desenvolvido inúmeros projectos na área do desenvolvimento local, aliado ao turismo e à promoção dos recursos endógenos, designadamente:

- Musica em Espaço Rural

- Cores e Sabores – Mercado de Produtos Tradicionais

- Cozinha Comunitária

- Edição dos livros “Doces Conventuais da Tradição da Santa Clara” e “Sabores de Tradição”.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Eventos

Sáb. Mar. 10, 2018 @08:15
Caminhada da Primavera

Destaque